Gabriel

+ 02/11/2002

 

Gabriel 
Talvez ele tenha sido o grande amigo confidente que nunca tive. Meu companheiro de televisão, das horas tristes e alegres também. 
Meu despertador de manhã e meu amigo das horas de sono...o filho que ainda não tive. 
Esquisito, dizem que os gatos são traiçoeiros. Então esse era diferente. Até na hora da morte ele me olhava nos olhos como quem queria dizer "tudo bem, a gente ainda se vê por ai..."
Deus sabe o quanto eu fiz por ele...e o quanto o amava.
Gabriel, nome de anjo, que você possa estar junto de muitos outros gatinhos ai, voando com suas asas...correndo atrás de bichinhos e brincando com várias bolinhas.
Gabriel morreu de PIF, depois de 20 dias de tratamento, teve de ser submetido a Eutanásia. Mais ele sempre estará guardado, dentro do meu coração.
Que Deus possa abençoar, àquele que conseguir descobrir a cura dessa doença.

Dalton

 

AnteriorInícioPróximaCatStuff